QUEM SOMOS

O Instituto Katiana Pena - IKP, é uma "Organização da Sociedade Civil" sem fins lucrativos.

Temos como objetivo, atender e defender os direitos da criança, do adolescente, do jovem e de seus familiares, utilizando a arte a a cultura, como estratégica pedagógica para o desenvolvimento humano.

NOSSA MISSÃO

Transformar vidas através da arte.

NOSSA VISÃO

Ser referência na formação continuada em dança e na

formação cidadã.

NOSSOS VALORES

 Democracia, transparência, respeito a diversidade sexual, solidariedade e cultura de paz.

NOSSA HISTORIA

No dia 05 de janeiro de 2015, nascia o Studio de Dança Katiana Pena, de forma muito simples, na sala da casa de Katiana, contando com a ajuda de Deus, e dos bailarinos do CorpoMudança, que abraçaram a ideia. O CorpoMudança foi criado em 2007, por Katiana Pena. Então, Katiana começou a dar aulas de dança para a sua Companhia e em seguida abriu duas turmas para a comunidade, que logo foram preenchidas e lotadas, pois o espaço para a realização das aulas era mínimo. Nesse período, Katiana largou o último semestre da faculdade de educação física para se dedicar integralmente às atividades do recém-criado projeto.

Em agosto de 2015, derrubou as paredes da parte de cima da sua casa, dando espaço agora, para uma nova e maior sala de dança, mas ainda sem os equipamentos e acessórios necessários.

f2d514_9595549d4497481795b940e00494c740.
img-20160916-wa0067.jpg

Ainda em 2015, Katiana bateu às portas dos empresários do grande Bom Jardim, e com isso fechou seus dois primeiros parceiros, que ainda hoje em 2020, apoiam o trabalho. Foram, o Araripe Supermercados e o Ana Risorlange Supermercados. No início da parceria, Katiana dava aulas de ritmos para os supermercados em troca de materiais para a sala de dança e lanche para seus alunos.

Em abril de 2017, entra em contato com Katiana, uma jornalista do Rio de Janeiro. A mesma, dizia que pesquisava projetos sociais em Fortaleza, e encontrou o nosso. Marcou, e uma semana depois, veio ao SKP. Durante a visita, perguntava de tudo à Katiana e aos bailarinos, que ainda apresentaram para ela um trecho do ballet que estrearia em setembro, “A Rua é NOIZ”. Posteriormente, a jornalista encaminhou alguns amiamigos para conhecerem o projeto.

Em 2017, mantínhamos 3 turmas de ballet, uma para babys, uma para adolescentes, e uma para jovens, e uma turma de ritmos. Então, em junho encerraríamos o semestre, com a última turma no dia 28 de junho. A jornalista entrou em contato mais uma vez, agora pedindo uma apresentação do CorpoMudança, mas, na rua, de frente ao SKP para o dia 28 de junho, para apresentar aos possíveis patrocinadores. Prontamente, providenciamos todo o material necessário. Porém, no dia 27 de junho, ela ligou novamente, desmarcando e adiando para a próxima semana.

f2d514_4911008de3294f91bbacee755ac023f7.
6106291_x720.jpg

No dia 29 de junho, as 7:30 da manhã, bateram em seu portão, e quando ela abriu, era ninguém menos que Luciano Huck e equipe. A jornalista carioca e os seus amigos eram da equipe do Caldeirão do Huck, e daquele dia em diante, tudo mudou para sempre em nossas vidas! Luciano Huck chegou aqui nos prometendo transformar nossos sonhos e assim os cumpriu. A reforma nos deu, uma sala de dança apropriada com todos os equipamentos, uma biblioteca, vestiários, camarim, recepção, jardim e também uma casa nos fundos para Katiana. Era a realização dos nossos sonhos!

Daquele dia em diante, nascia oficialmente o Instituto Katiana Pena – IKP, nome esse escolhido pelos bailarinos do CorpoMudança. A entrega da instituição foi no dia 4 de agosto de 2017. Abrimos as inscrições para o ballet no mês seguinte, e no dia, às 5 horas da manhã, haviam pessoas fazendo fila para garantir uma vaga. Fechamos o ano de 2017 com a reforma, 19 turmas de ballet e 550 crianças, adolescentes e jovens matriculados. Para ter acesso às atividades da instituição, o educando precisar ser de baixa renda e frequentar a escola pública formal. Atualmente, além da dança, oferecemos alimentação, capoeira, karatê, música, futebol e atividades complementares à educação formal.

download.jpg